Deixo-me levar pela vida | POESIA | Pâmela da Silva & José A. Fernandes ~ Identidade 85 ::

terça-feira, outubro 18, 2022

Deixo-me levar pela vida | POESIA | Pâmela da Silva & José A. Fernandes

 


Deixo-me voar pela imaginação 

deixo-me levar pelo coração 

deixo-me levar pelos pensamentos 

sem pensar, 

sem pensar nenhum momento.


Deixou-me sonhar em ser amada 

e amar a troco de nada.


Deixou-me sonhar em ser poeta 

ou até mesmo um atleta.

Deixou-me viver em um universo paralelo 

onde todo mundo é azul, verde, vermelho e amarelo.


Vivo pintando a realidade

de cores vivas,

enfeitando com pedras brilhantes.

Vou colorindo a realidade 

e esquecendo da maldade,

de quem não vê semelhante.


Na realidade me identifico

com a solidão 

por conta do vazio que deixaram no meu coração.


Um cupido maldoso, 

um anjo impiedoso

lançou sua seta,  

mas só a mim acertou,

deixando em pedaços o coração 

sem nenhuma razão.


Ainda assim sigo a vida,

deixo ela me levar.

Como deixo-me levar pela paixão!


Pâmela da Silva é minha sobrinha (de José) e esse poema faz parte de um projeto dela. Se gostaram, compartilhem e ajudem a espalhar. Ela faz parte de um dos projetos que mantemos, colaborando frequentemente com poemas, poesias e contos.

Corações em Risco
Jas Silva
Clique aqui! 
Compre pelo link indicado e ajude a mover os sonhos da Pamela de ser escritora 😉

Caso queira apoiar nossos projetos, clique nesse link para saber mais: https://apoia.se/joseafernandes

:: Ou se quiser, FAÇA UMA DOAÇÃO via Paypal: http://bit.ly/DoarJoseAF

* Imagem do topo montada a partir de imagem da internet.

Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...